Terça-feira, 11 de Agosto de 2020

Última Atualização do site:  

06/08/2020 13:07:42

ÚLTIMAS NOTÍCIAS / Cultura
Visualizada 459 vezes
Comissão discute revisão dos símbolos de Peabiru
Quarta-feira, 02 de março de 2016
 
 
Comissão discute revisão dos símbolos de Peabiru

A comissão de revisão dos símbolos municipais de Peabiru, instituída em agosto do ano passado, se reuniu nesta quarta-feira, 2. Desde a criação, os membros da comissão fizeram diversas pesquisas sobre os símbolos municipais. O primeiro ponto aprovado é pela criação de uma legislação no sentido de regulamentar o uso dos símbolos, em especial, da bandeira, que ainda não foi oficializada.

Quanto ao desenho do brasão de armas, a comissão identificou diversos erros heráldicos. Entre as falhas está a cor da coroa mural. A cor dourada, segundo a regra artística da heráldica somente deve ser aplicada num brasão de Capital do Estado. Todos os demais municípios do Brasil devem ter em seus brasões a coroa mural prata.

O grupo também apontou a necessidade da inversão das cores das faixas e inclusão de um elemento indígena expressivo, tendo em vista a ligação histórica da cidade com os Caminhos de Peabiru. Ainda decidiram pela correção do desenho da cruz, alusiva a Companhia de Jesus e do listel. Atualmente, o listel consta um acróstico idealizado pelo historiador Nelson Bittencourt Prado, ligado a corrente positivista. A comissão optou aplicar o nome da cidade, as datas da chegada da primeira família e da criação do município, bem como, a data da posse do primeiro prefeito eleito, Silvino Lopes de Oliveira, em 14 de dezembro de 1952, data escolhida para comemorar a instalação do município.

A comissão que discute a questão é composta pelo secretário de Educação, Cultura, Esportes e Lazer, Fábio Sexugi; pelo chefe da divisão de Cultura, Jair Elias dos Santos Júnior; pelo historiador Arléto Rocha e pelo professor Espedito Ferreira, autor do hino de Peabiru.

Histórico – A proposta apresentada pela comissão é a terceira da história do município. Não foi encontrado registros da criação do primeiro brasão de armas de Peabiru. Em 1972, o historiador de Campo Mourão, Nelson Bittencourt do Prado, elaborou um amplo estudo para a criação do brasão. Este estudo foi aprovado pela Câmara de Vereadores por meio de projeto de lei, que foi sancionado pelo então prefeito, Lary Calixto Razzolini.

O Hino de Peabiru foi oficializado na década de 1990. Até então, a letra ainda não era oficializada. O autor menciona que procurou incluir na letra todo o amor que sentia pela cidade. Quanto a bandeira, a comissão não encontrou registros de sua criação e de seus autores.

Fonte: Assessoria de Comunicação

 
 
 Galeria de Fotos
Comissão discute revisão dos símbolos de Peabiru
 
 
 Outras Notícias
VER TODAS
 

Horário de Atendimento: Segunda à Sexta-Feira, das 08h às 11h - 13h às 17h

Praça Eleutério Galdino de Andrade, 21 - Centro

CEP: 87250-000 - Peabiru - Paraná

 44 3531-8100   prefeitura@peabiru.pr.gov.br